CBA Alumínio

mar qui, 2020

A CBA – Companhia Brasileira de Alumínio realizou, nesta quarta-feira (4), na Unidade Niquelândia, o terceiro encontro da Comissão Mista, que acompanha a implementação do Plano de Ação Emergencial (PAE) das barragens do Jacuba e Mosquito. Participaram da reunião integrantes da CBA e representantes do Corpo de Bombeiros (Defesa Civil) e da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Niquelândia.

A reunião teve como pauta a definição de possíveis localizações dos pontos de encontro para onde serão direcionados os moradores da chamada Zona de Autossalvamento (ZAS), área de influência direta das barragens. Os habitantes desta área receberão orientações para a realização, em julho, de um simulado de situação de emergência.

Durante o encontro, também foram apresentadas sugestões para a instalação de placas dos pontos de encontro e possíveis das rotas de fuga, além da infraestrutura necessária e definição de responsáveis para realização do simulado. Cada ponto será avaliado e validado após visita in loco dos representantes da Comissão Mista. Foi abordada, ainda, a instalação de sirenes para comunicação em massa, que têm como objetivo alertar a população em caso de ação emergencial.

Trabalho contínuo

Em reuniões anteriores da Comissão Mista, foi apresentado o sistema integrado de monitoramento e gestão das  barragens, que estabelece critérios de pontuação do estado de conservação das estruturas. Conforme avaliação do sistema, ambas as barragens localizadas na Unidade Niquelândia têm sido classificadas mensalmente, no período dos últimos 12 meses, com condição satisfatória, ou seja, a melhor avaliação estabelecida pelo sistema.

O plano de ação do Simulado está dividido em cinco fases: a primeira, já realizada, foi a do cadastramento de imóveis e da população presente na Zona de Autossalvamento (ZAS). A segunda fase em andamento é a de definição e validação dos pontos de encontro e rotas de fuga, a partir de resultado de estudo técnico conduzido por consultoria especializada e aprovação do Corpo de Bombeiros.

Na terceira fase, será feito o mapeamento e análise dos públicos envolvidos, quando serão levantadas as necessidades específicas para colocar em prática a etapa de treinamentos para o autossalvamento. Na quarta etapa, será realizada a análise das partes envolvidas e iniciado o Plano de Comunicação. Por fim, haverá a realização do Simulado. Conforme cronograma de implementação das ações, a próxima reunião da Comissão Mista será realizada em maio.

Quem faz parte da Comissão Mista: 

CBA: representantes das áreas de desenvolvimento humano, segurança e meio ambiente, e comunicação.

Niquelândia: representantes da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e do Corpo de Bombeiros Militar (Defesa Civil).

Sobre a CBA

Desde 1955, a Companhia Brasileira de Alumínio (CBA) produz alumínio de alta qualidade de forma integrada e sustentável.

Com capacidade instalada para produzir 100% de energia vinda de hidroelétricas próprias, a CBA minera a bauxita, transforma em alumínio primário (lingotes, tarugos, vergalhões e placas) e produtos transformados (chapas, bobinas, folhas e perfis). Em estreita parceria com seus clientes, a CBA desenvolve soluções e serviços para os mercados de embalagens e de transportes, conferindo mais leveza, durabilidade e uma vida melhor.

A CBA está bem perto de você. Acesse: www.cba.com.br.

Informações para a imprensa:

Oficina de Comunicação (62) 3225-4899

Sirlene Milhomem (62) 98176-0297 sirlene@oficinacomunica.com.br
Luísa Gomes (62) 99911-2950 luisa@oficinacomunica.com.br

 

Pixel Facebook